22/05/2024 +55 (99) 9999-9999

Brasil/Mundo

Jornalista esportivo Washington Rodrigues, o Apolinho, morre aos 87 anos no Rio

Radialista lutava contra um câncer agressivo. Um dos principais repórteres da história do rádio, Washington comandava o "Show do Apolinho" na Rádio Tupi e foi técnico do Flamengo.

Por Agencia de Notícias ODIA1 16/05/2024 às 11:06:51

O radialista, repórter, jornalista esportivo e comentarista Washington Rodrigues morreu nesta quarta-feira (15) aos 87 anos, no Rio de Janeiro. Também conhecido como Apolinho ou Velho Apolo, ele lutava contra um câncer agressivo.

Continua após a publicidade

Um dos principais repórteres da história do rádio, Washington comandava o "Show do Apolinho" na Rádio Tupi. No ar desde fevereiro de 1999, o programa era líder absoluto de audiência no segmento há mais de 20 anos.

O radialista era também comentarista titular da equipe de esportes da rádio e tinha a coluna "Geraldinos e Arquibaldos" no Jornal Meia Hora, de conteúdo leve e bem-humorado.

Carismático, criou várias expressões populares como "Geraldinos e Arquibaldos", "Pau com formiga", "Pinto no lixo", "Briga de cachorro grande", entre muitas outras.

Apaixonado pelo Flamengo, teve duas passagens pelo clube:

  • em 1995, como treinador, onde conquistou o vice-campeonato da Supercopa Libertadores;
  • em 1998, como diretor de futebol.

"Eu não sou técnico e nunca fui, mas o Flamengo não me convidou, me convocou. E todas as vezes que ele me convocar eu vou, pelo Flamengo eu faço qualquer coisa, se o goleiro se machucar e precisar de mim no gol eu vou lá e jogo, pelo Flamengo eu faço qualquer negócio, chamou eu tô dentro, qualquer coisa que quiserem eu vou", chegou a declarar sobre a experiência.

A Rádio Tupi, onde Apolinho trabalhava, publicou uma homenagem ao radialista nas redes sociais.

"Revelou-se desde cedo um amante do futebol e sempre se orgulhou em dizer que organizava saídas da escola para frequentar o recém-inaugurado Maracanã."

Fonte: GE

Comunicar erro
Comentários